9 de jan de 2010

Paris, cité de la photographie!!! - Parte 2

            Paris guarda uma surpresa a cada esquina, uma descoberta a cada passagem estreita que se abre para um patiozinho lindo. Pois foi em uma dessas passagens que descobrí uma das lojas mais legais que já ví, a Yellow Corner
     Já havia visto um homem no metrô com uma embalagem da loja, e tinha ficado bastante curiosa, pois ví que havia uma fotografia já enquadrada dentro, embora não pudesse ver qual. E aí, caminhando pela Rue Francs-Bourgeois, ainda no bairro de Le Marais (não disse que esse bairro era ótimo?), uma ruazinha estreita, com prédios antigos e cafés cheios de charme, lojas de estilistas e de design moderno, numa dessas entradas que dão para um pátio, descubro uma filial da tal da Yellow Corner.



 - fachada da Yellow Corner, um charme! - 


    Claro, entrei na mesma hora, com uma curiosidade enorme, e não me decepcionei, ao contrário, fiquei encantada. A loja é um misto de galeria de arte com loja de fotografia, onde todas as fotos expostas estão à venda, em quantidades limitadas e numeradas, todas com um certificado de autenticidade e uma breve biografia do fotógrafo. Além disso há expositores como os de lojas de vinil, onde se pode olhar as mais de 150 fotografias diferentes, em vários tamanhos, algumas já prontas para pendurar na parede, com passe-partout e tudo, e o melhor, preços super acessíveis, a partir de 29 euros! 


    - um verdadeiro banquete de fotos! -                                                

       Infelizmente não pude comprar nenhuma foto, e havia me apaixonado por pelo menos 5 delas... mas fiquei super feliz quando descobri que há filias da loja em outras cidades da Europa, inclusive em Barcelona, embora eu aqui só tenha encontrado um totem pequeno na Fnac. Mas o bom é que se pode  comprar on-line também, e não só por isso, mas por curiosidade em ler mais sobre alguns fotógrafos que adorei, assim que voltei de viagem acessei o site deles - http://www.yellowkorner.com/ . Vai aqui então um breve histórico de como surgiu a empresa: Foi criada em 2005 por dois amadores apaixonados por fotografia, Alexandre de Metz e Paul-Antoine Briat,  que desejavam democratizar a fotografia sem que perdesse o status de arte. As fotografias vendidas na Yellow Corner são selecionadas por um comitê artístico que percorre exposições, galerias e mostras ao redor do mundo em busca de novos talentos e também do trabalho de artistas já renomados no mundo da fotografia, mas principalmente atuando como um trampolim para jovens fotógrafos profissionais. As fotografias são encontradas em todos os tamanhos e formatos das galerias de arte, em cópias de alta qualidade. No site se encontra o catálogo, que eles também enviam por e-mail, além de biografias dos fotógrafos, um bom guia para quem busca trabalhos novos e criativos.


 - galeria de arte dentro da loja - 


 - o paraíso para os apreciadores da fotografia como arte - 


    Uma pena que não há exista filial na América latina, mas certo é que não voltarei da Europa sem ao menos uma foto deles na mala... difícil vai ser escolher qual!

Um comentário:

  1. Vick!
    Dei uma passeada de 20 dias e voltei hoje.Chegamos e saímos por Paris,Ficamos hospedados no Marais, que eu conhecia muito pouco (só a Praça Des Vosges, na verdade). Aí, caminhando por ali entrei naquele pátio maravilhoso onde está a Yellow Corner e lembrei que tinha visto no teu blog. Realmente de enlouquecer.

    ResponderExcluir